A comunicação entre os pais e a escola promove o desenvolvimento do aluno

 Categoria Noticias

Comunicação entre pais e escolaO processo de educação da criança e construção de seu caráter tem início muito antes de ela começar a ir para a escola, e os principais responsáveis por essa tarefa são os pais. Depois que a criança começa a frequentar o ambiente escolar, é dado início no processo de escolarização, e a partir daí ela é imersa em um novo mundo de conhecimentos acadêmicos.

Pelo fato de os pais serem os primeiros e principais agentes educadores na vida da criança, cria-se nela uma necessidade de aprovação e demonstração de interesse por parte deles com relação a todos os assuntos, incluindo os conteúdos acadêmicos. Ou seja, quando os pais demonstram interesse em saber e participar da vida escolar de seus filhos, os assuntos passados em sala de aula passam a ter mais valor para eles, e consequentemente a dedicação e aprendizado irão aumentar.

A participação dos pais também influencia muito no trabalho desempenhado pelos professores, uma vez que ao acompanhar os deveres de casa de seus filhos, por exemplo, os pais conseguirão identificar quais são as áreas de maior dificuldade, e passar a informação para os professores, tornando o trabalho mais personalizado e cuidadoso.

Além da participação em casa, é uma experiência bastante positiva poder contar com a presença dos pais em alguns momentos dentro do ambiente escolar. Seja em reuniões de pais ou eventos, o aluno se sente mais confiante quando sente que os pais validam aquele ambiente, e se interessam em saber o que acontece por lá.

Aqui na Escola CEDUCA nós nos preocupamos bastante em fazer essa ponte de integração entre a família e a escola. Principalmente por entendermos a importância e o valor da família enquanto instituição que delega à Escola autoridade para poder educar seus filhos. Procuramos sempre incentivar e facilitar essa integração, para que esse trabalho em conjunto forme muito mais do que um jovem apto a gabaritar as provas mais difíceis, mas também um adulto íntegro e convicto de seus valores.

Recent Posts
Novidades Ceduca3 Princípios para trabalhar com as crianças